sexta-feira, 31 de março de 2017

Bob ShuT E Edvaldo Santana encerram Caxias Soul Duetos

Bob Shut
O encerramento do festival contará com a apresentação do músico paulistano EDVALDO SANTANA, em parceria com a banda caxiense BOB SHUT. No palco, será feita a mistura do folck/rock da BOB com os clássicos de SANTANA, como “Choro de Outono”, “Quem não quer ser feliz”, entre outros. A última apresentação do Caxias Soul Duetos também marca a despedida do trio caxiense após uma década de produção musical.

O evento acontece no domingo, 09 de abril, às 17h, na Praça das Feiras. Em caso de chuva, o evento será transferido para a Sala de Teatro Prof. Valentim Lazzarotto, no Centro de Cultura Ordovás. O evento é gratuito e aberto à comunidade. Sugere-se a doação de alimentos não perecíveis, que serão destinados ao Programa Mesa Brasil do Sistema Fecomércio – SESC.

Mais informações podem ser encontradas em facebook.com/caxiassoulduetos.

Edvaldo Santana

Aos 61 anos de idade, Santana é fruto do cruzamento de várias culturas. Antes de se iniciar como músico, trabalhou em fábrica e jogou futebol. A carreira artística veio com a banda Matéria Prima, até se lançar como compositor solo. Também é um dos fundadores do Movimento Popular de Arte (MPA), em São Miguel Paulista. Foi parceiro de trabalho de Itamar Assumpção, Tom Zé, Paulo Leminsky, Bocato, entre outros.

Bob ShuT

Formada na cidade de Caxias do Sul, a Bob ShuT completa 10 anos de carreira e coleciona críticas positivas com seus álbuns e shows. Inspirados no rock alternativo dos anos 90, misturado às influências do folk brasileiro, apresenta letras positivas, existencialismo e um som interiorano atípico para bandas de Rock. Já realizou turnê no Norte, Nordeste e Sul do Brasil, além de ter se apresentado no festival Las Palmeras Fiesta del Sonido, no Uruguai.
Serviço
Encerramento com Edvaldo Santana e Bob ShuT
Dia: 09 de abril, domingo
Hora: 17h
Local: Praça das Feiras (Entre a Avenida Rio Branco e a Rua Feijó Júnior). Em caso de chuva, o show será transferido para a Sala de Teatro Prof. Valentim Lazzarotto, no Centro de Cultura Ordovás.